Instagram

Autoclave Hospitalar – Pré-Requisitos De Instalação

Autoclave Hospitalar – Pré-Requisitos De Instalação

Por: Engethink - 19 de Junho de 2020

Leia sobre

Autoclave hospitalar é essenciail em ambientes que exigem esterilização de instrumentos. É por isso que são usados tanto no campo médico quanto no industrial. Graças a esse importante equipamento, é possível manter boas condições de uso de determinados itens, além de garantir a segurança de quem os manuseia.

Muito usado em estabelecimentos hospitalares, uma autoclave é um recipiente hermético que tem a capacidade para armazenar vapor sob alta pressão por longos períodos.Esse vapor pode ser à base de água ou óxidos de etileno. Além disso, o modelo e capacidade da autoclave varia de acordo com o objetivo e o material a ser esterilizado.

Quer entender melhor? Acompanhe nosso artigo de hoje com as ressalvas sobre a instalação da autoclave.

Autoclave Hospitalar- Conceitos para correta montagem

Imagem de Engethink

Níveis de biossegurança

Quando pensamos em microrganismos infecciosos surge a necessidade de uma série de medidas de proteção, tanto para as pessoas quanto para o meio ambiente. Esse conjunto de medidas de segurança é denominado BSL e é gerenciado por padrões internacionais, que as classifica em quatro níveis.

Nível 1 – Trabalho microbiológico padrão

É aquele que praticamente não traz riscos de infecções a adultos saudáveis. Dispensa o uso de equipamentos de segurança especial ou barreiras primárias. Basta tomar medidas comuns de higiene e desinfecção.

Nível 2 – Riscos de infecção

Há risco de infecções via erupções da pele, ingestão ou exposição de mucosas. Requer treinamento e acesso restrito. Objetos pontiagudos denotam atenção especial. A autoclave é essencial.

Nível 3 – Comum para laboratórios

Requer uso de roupas e equipamentos especiais, que devem ser devidamente desinfectados. Vedação e ventilação de portas devem seguir protocolos.

Nível 4 – Alta periculosidade

Envolve agentes muito perigosos, que apresentam alto risco de doença e contágio. Recomenda-se ambiente com pressão de ar negativa, em área preferencialmente isolada e vestimenta de proteção completa.

Parâmetros da autoclave hospitalar

Considera-se que uma autoclave hospitalar oferece três parâmetros que são:

  • Clima;
  • Temperatura;
  • Pressão.

Uma esterilização verdadeiramente eficaz não deve ocorrer de forma acelerada, emborahaja quem acredite que um tempo mais curto a uma temperatura muito mais alta pode ser uma solução para alguns tipos de emergência. A temperatura a ser atingida deve estar entre 121°C e 134°C. A pressão também varia, normalmente entre 20 a 32 libras.

O local onde a autoclave será instalada deve ser estudado. Há vários fatores que precisam ser levados em conta, como fluxo de uso, carga de trabalho, tipo de contaminação, sistemas de ventilação e filtragem do ar, dentre outros. Todas essas e algumas outras características estão incluídas nos regulamentos oficiais que versam sobre o assunto.

Vale lembrar ainda que é necessário prestar atenção especial ao fornecimento de energia e água, às saídas de ar e de vapor, bem como válvulas de segurança, riscos em caso de falhas ou vazamentos e quaisquer outros detalhes que possam constituir fator de risco ou resultar na propagação de agentes infecciosos ou poluentes.

Instalar uma autoclave hospitalar, portanto, envolve uma série de análises e cálculos. É importante levar em conta cada detalhe, para que o propósito do equipamento, que é o de prevenir a contaminação, seja devidamente cumprido.

Imagem de Engethink